PQP... Tô fud...

Pesquisadores russos ficaram falando palavrão para uma jarra d’água. Tudo em nome da ciência: a tese deles era que o líquido seria afetado de alguma maneira. Para checar, regaram sementes com a água "maldita". Os cientistas garantem que 48% delas germinaram, contra 93% das que receberam água normal. E também juram que falar palavrão causa impotência. Só não ficou claro se a conclusão foi baseada no desempenho sexual obtido pelos próprios após passar o dia xingando a jarra.

Se não acreditarem, vejam a publicação da Super Interessante...

Estão vendo, agora sim podemos acreditar nas nossas mães...

0 comentários:

Postar um comentário